• Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon

ATIVIDADES

 Conheça as ações e projetos conectados à rede SDSN Amazonia. 

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO

O programa de Educação da rede SDSN-Amazônia busca desenvolver iniciativas educacionais que respondam aos desafios do desenvolvimento sustentável identificados nos países que compõe a bacia hidrográfica amazônica. 

 

A necessidade de qualificação na formação da força de trabalho da região é uma questão crucial a ser abordada neste programa de educação SDSN Amazônia, principalmente para formar recursos humanos capazes de desenvolver novas soluções frente aos desafios do desenvolvimento sustentável.  

 

Outros projetos específicos, estão em fase desenvolvimento com foco nos jovens amazônidas.

Amazon Summer School

O Amazon Summer School (Escola de verão da Amazônia) é um curso de imersão intensiva onde os participantes aprendem a partir experiências com comunidades locais, sobre como é viver em meio a floresta amazônica. O curso é desenvolvido com uma abordagem para trabalhar os desafios globais de sustentabilidade que enfrentamos como sociedade e como seres humanos. Ampliar a visão para ver outros pontos de vista, sabendo que nenhuma pessoa ou campo pode compreender ou resolver tais questões, são questões levantadas ao longo do curso.

 

Unir para aprender, compartilhar e criar. Esses são os motes da Amazon Summer School. Cada palavra empregada nos faz entender que as pessoas que vivem em comunidades, as pessoas que vivem fora das comunidades, a floresta e terras, perspectivas e práticas tradicionais, bem como diferentes e novas ideias e abordagens são todas as peças do quebra-cabeça para entender como desenvolver e preservar a vida neste planeta com dignidade e equilíbrio.

 

Em 2014, a FAS lançou a Amazon Summer School, sua escola de verão internacional que teve como proposta oferecer uma experiência de imersão na floresta. Foram selecionados, via edital, 13 participantes de oito países ( Estados Unidos, Portugal, Irlanda, Índia, Argentina, Guatemala, Brasil e Bolívia), diferentes para vivenciar a sustentabilidade na prática. Durante 21 dias, houve na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) Rio Negro um rico intercâmbio de culturas, conhecimentos, e sonhos entre a população local e estrangeiros. Na edição de 2016, houveram 16 participantes de 09 países, 3 facilitadores, 16 professores e palestrantes convidados.

Please reload

PROGRAMA DE GESTÃO DO CONHECIMENTO & COMUNICAÇÃO

A Amazônia além de abrigar uma rica diversidade biológica é detentora de informações, experiências, aprendizagens, de conhecimentos que advém dos povos originários e dos povos da floresta que nela vivem. Propagar esse conhecimento por meio da Educação e da Comunicação é o que projeta o programa de Gestão do Conhecimento e Comunicação da rede SDSN-Amazônia. Dois eventos que são promovidos anualmente pela rede SDSN-Amazônia fundem esses ativos, o Amazon Day e o Amazon Solutions Day. 

 

O Amazon Day realizado durante a semana do Clima da Organização das Nações Unidas (ONU) e o Amazon Solutions Day realizado em paralelo à Conferência das Partes da ONU (COP) contam com a participação ativa dos membros da rede SDSN-Amazônia para a construção da consecução dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) nos países amazônicos e em debates com pautas sobre a Amazônia. 

 

Neste contexto, a comunicação da SDSN-Amazônia atua como uma emissora desses eventos e trabalha na criação e no planejamento de ações de comunicação junto aos comunicadores das organizações/instituições membro da rede; visando tornar esses eventos centros de debates sobre as pautas da Amazônia e dos amazônidas para que efetivamente se possam alcançar às mudanças tão almejadas.

Amazon Day

O Amazon Day (Dia da Amazônia) é realizado anualmente durante a Conferência Internacional sobre o Desenvolvimento Sustentável (ICSD) pela UN-SDSN na Universidade de Columbia. A data tem por objetivo aproximar os membros da rede SDSN em torno das discussões da sobre Agenda 2030, para que todos os participantes possam traçar roadmap para sua implementação na bacia amazônica. Para isso, o Amazon Day inova ao ser um evento semi-virtual, onde hubs da Amazônia participam do evento e o promovem na sua região.

 

O Amazon Day conta com os seguintes parceiros: Fundação Amazonas Sustentável (FAS), a Rede de Soluções de desenvolvimento sustentável DAS NAÇÕES UNIDAS (UN-SDSN), ONU Meio Ambiente, Academia brasileira de Ciências (ABC), a Organização do Tratado de Cooperação Amazônica (OTCA), Instituto de Investigación de la Amazonía Peruana (IIAP), Instituto Amazónico de Investigaciones Científicas (SINCHI), Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) e o da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

 

A Conferência conta com diversas partes interessadas para debater e compartilhar conhecimento relevante para a consecução dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). 

Amazon Solution Day na Conferência das Partes

Status - Implementação

 

Evento anual da SDSN Amazônia como parte das Conferências das Partes (COPs) da United Nations Framework Conventions On Climate Change - UNFCCC. O evento promove o debate entre parceiros a implementação dos ODS e sua correlação com a Agenda Climática e Acordos internacionais, como o Acordo de Paris.

Please reload

PROGRAMA DE INOVAÇÃO

Plataforma WEB de Soluções para a Amazônia

Status - Implementação


 

A Plataforma de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia, tem como foco a promoção dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), na região amazônia. Cada iniciativa disponível na plataforma estará associada aos respectivos ODSs. A plataforma de soluções da SDSN é uma ferramenta inovadora e será um canal difusão de novas tecnologias, modelos de negócios e políticas que tenham potencial impacto transformador no desenvolvimento sustentável da Amazônia. O objetivo é ser uma plataforma de acesso aberto usando uma ferramenta GIS que permite o compartilhamento de informações em soluções localizadas em um mapa. A entrada de casos de solução passará por um conjunto de critérios, em linha com as diretrizes SDSN Global. 

 

Muitas soluções de desenvolvimento sustentável estão sendo projetadas e implementadas na Amazônia. No entanto, atualmente, não há uma plataforma para mostrar essas soluções. A Plataforma de Soluções para o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia possui conteúdo trilingüe (inglês, português e espanhol), e foi adaptada para celulares e computadores. As soluções serão aceitas em qualquer escala, desde que estejam na fase de implementação ou já tenham sido implementadas. Tudo isso para que a disseminação de soluções para o desenvolvimento sustentável na região, com significativo e aumento de potencial esteja ao alcance de todos. 

 

Objetivo:  aumentar e melhorar a disponibilidade de soluções de desenvolvimento sustentável que resultam de iniciativas específicas na parcela da Amazônia de cada país

Prêmio SDSN-Amazônia

Status - Em desenvolvimento 


 

O Prêmio SDSN-Amazônia visa incentivar a inovação, criatividade e iniciativas de soluções já implementadas para enfrentar os problemas mais desafiadores do desenvolvimento sustentável na Amazônia. O prêmio é promovido anualmente e é uma das iniciativas da SDSN-Amazônia. Essa iniciativa busca reconhecer e dar visibilidade às soluções para o desenvolvimento sustentável já existentes e pretende estimular e disseminar as práticas bem sucedidas e reconhecê-las como possíveis soluções para desenvolvimento sustentável da Amazônia.

 

Durante o Amazon Solutions Day, na COP 21 em 2015, a primeira edição do Prêmio SDSN Amazônia anunciou seus vencedores. O prêmio, que havia sido lançado em 2014 na COP20 em Lima, identificou e reconheceu as melhores soluções socioambientais relacionados ao desenvolvimento sustentável da Amazônia. 

 

A iniciativa foi aberta a ações realizadas e implementadas por organizações privadas, públicas, acadêmicas e do terceiro setor da Amazônia Continental: Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Peru, Suriname e Venezuela. Três organizações nas categorias de Educação, Gestão de Áreas Protegidas e Infraestrutura foram contempladas como as melhores soluções para as questões socioambientais relacionadas ao desenvolvimento sustentável da Amazônia continental. Na edição de 2014, os três vencedores foram a Associação das Casas Familiares Rurais  do Estado do Pará (Arcafar/Pará), Instituto Coca-Cola Brasil (Amazonas) e Universidade Ikiam ( Equador). 

 

Uma comissão de especialistas julgou dez finalistas a partir dos critérios de avaliação: visão de futuro, potencial de replicabilidade, originalidade e inovação do projeto; uso de metodologias participativas; formação de redes e parcerias intersetoriais e relevância do projeto para especificidades da Amazônia.

 

A segunda edição do Prêmio SDSN Amazônia foi realizada neste ano, 2019, com a temática de “Soluções inovadoras para a Plataforma de Soluções SDSN-Amazônia”. 

Ao todo, 24 soluções inovadoras desenvolvidas na Amazônia participaram do prêmio, sendo 14 do Brasil, quatro do Equador, quatro do Peru, uma solução da Colômbia e uma da Bolívia. As 24 soluções estão disponíveis na Plataforma de Soluções da SDSN-Amazônia para acesso ao público.

 

Todas as soluções submetidas foram avaliadas pelo comitê técnico-científico da Plataforma de Soluções composto pelo pesquisador e ex-diretor do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) Adalberto Luis Val; pelo CEO da Bemol Brasil, Denis Minev; pelo diretor executivo da ONG boliviana Herencia, Juan Fernando Reyes; pelo pesquisador do Instituto de Investigações da Amazônia Peruana (IIAP), Manuel Martín Brañas; e pelo vice-diretor do Instituto Amazônico de Pesquisa Científicas (SINCHI), da Colômbia, Marco Ehrlich. As soluções foram avaliadas seguindo critérios de relevância, caráter inovador da solução, viabilidade financeira, escalabilidade impacto atual e/ou potencial e aderência aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

 

A solução da ONG Amazônicos pela Amazônia (AMPA) do Peru venceu o Prêmio Soluções Inovadoras com a iniciativa "Gastronomia com sabor a conservação", projeto acompanha as associações na realização e na gestão de áreas de conservação conectando a grande dispensa da Amazônia Andina com a cadeia gastronômica peruana e com cozinheiros renomados nacional e internacionalmente.

Please reload

PRÓXIMOS PROJETOS

STATE OF THE AMAZON: AMAZÔNIA QUE QUEREMOS EM 2030

Status - Em desenvolvimento

 

O Relatório State of the Amazon : Amazônia que Queremos em 2030 deverá ser anual e visa compilar informações relevantes para os países da Bacia Amazônica formulado por grupo de especialistas da região. O relatório tem os seguintes objetivos:

 

  1. Desenvolver uma análise de cenários sociais e ambientais para a Amazônia 2015-2050

  2. Apoiar as recomendações do relatório na definição de indicadores de ODS para a Amazônia

  3. Fornecer material para avaliar o alcance dos indicadores e o progresso da ODS-Amazon e indicadores para  a "Amazônia que queremos" para 2030

Curso de Formação e Empreendedorismo para Soluções ao Desenvolvimento Sustentável na Amazônia

Status - Em andamento 

 

    O Curso de Formação e Empreendedorismo para Soluções ao Desenvolvimento Sustentável na Amazônia facilitado pela Rede SDSN Amazônia, buscará oferecer uma formação de alto nível para lideranças e empreendedores amazônicos que desenvolvam soluções viáveis e possam responder aos desafios da Agenda 2030 e dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) identificados nos países que compõem a bacia hidrográfica amazônica.

 

    As lideranças e empreendedores amazônicos terão como auxílio para execução dessas ações a ciência, a cooperação científica e fundo de capital que financiará o desenvolvimento e replicação destas soluções na bacia Amazônica. Além disso, o curso promoverá atividades de cooperação sul-sul entre os países da bacia amazônica. Para execução do programa está previsto uma capacitação anual de 30 estudantes. Serão dez estudantes de cada país. Para esta primeira edição, haverá dez estudantes do Brasil, Colômbia e Peru.

 

  O Centro Agronómico Tropical de Investigación y Enseñanza (CATIE), referência em ensino e pesquisa científica em agricultura, manejo, conservação e uso sustentável dos recursos naturais na Costa Rica e América Latina, fornecerá o conhecimento científico acadêmico necessários via cursos de capacitação e curso de mestrado em parceria com instituições de ensino e pesquisa do Brasil, como o Instituto Nacional de Pesquisa da Amazônia (INPA) e a Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

 

  O curso desenvolvido em parceria com demais membros da rede SDSN Amazônia, também conta com a parceria da Fundação Amazonas Sustentável (FAS) do Brasil, o Instituto Amazónico de Investigaciones Científicas (Sinchi) da Colômbia, Instituto de Investigaciones de la Amazonía Peruana (IIAP) do Peru e a Asociación Amazónicos por la Amazonia (AMPA) também do Peru, serão responsáveis pelo apoio logístico ao longo do desenvolvimento do programa.

 

O programa objetiva contribuir para a implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), para que assim haja o empoderamento de lideranças amazônicas. A importância desse programa além empoderar, está em fazer com que os povos amazônicos tenham melhor qualidade de vida via a educação sem que necessitem migrar para outras localidades.

Please reload